Coroa Mística em Brasília

19 de setembro de 2012 às 00:53 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Fonte: Vermelho

Sobre andaimes e com música sacra para ditar o ritmo, artistas plásticos de vários países pintam um painel em forma de coroa, dentro da Paróquia Nossa Senhora da Esperança, localizada na entrequadra 307/308 da Asa Norte. Realizadas sob a supervisão do espanhol Juan Pablo Civil e de autoria do compatriota Kiko Argüello, as pinturas retratam passagens evangélicas de Jesus Cristo e estampam instituições religiosas do mundo inteiro. Esta é a primeira vez que o mural estará disposto no Brasil. A finalização do conteúdo está prevista para próximo 18 de setembro. Há 13 anos, a equipe gerenciada por Juan Pablo reconstrói o painel de Kiko Argüello, em igrejas católicas sediadas em várias localidades do mundo. Em Brasília, 16 artistas, distribuídos entre pintores e ajudantes, estão responsáveis pela pintura dos 16 quadros que formam o conteúdo artístico, iniciado em meados de agosto. Com cerca de 260 metros quadrados, a versão brasiliense será a maior do mundo – em formato alusivo de coroa. O conteúdo também já foi pintado como um quadro tradicional. Os responsáveis trabalham voluntariamente e ocupam moradias de membros da paróquia.

Pároco ajudou

Questionado sobre o motivo de a igreja Nossa Senhora da Esperança receber o mural, Juan Pablo revelou que a participação do pároco responsável pela instituição religiosa foi decisiva. “O pároco daqui insistiu, insistiu muito por telefone. Todo dia telefonava. Também chegamos à conclusão que seria importante ser pintado aqui”, comentou. No momento, o padre responsável pela igreja encontra-se em viagem pelo exterior. O supervisor da obra revelou que existe uma lista extensa de pedidos para receber a pintura, mas ainda não há um próximo destino definido. Cada quadro que compõe a estrutura mede 4,20m por 4,12m. Para produzir a pintura, a igreja precisou disponibilizar cerca de 30 quilos de pigmento alemão em pó e 50 litros de óleo de linhaça, utilizados nos esboços. Além disso, quase 10 mil folhas de ouro foram usadas no preenchimento dos detalhes dos quadros. Para reunir o material, a paróquia comercializou camisetas, carnês de sorteios, e contou com auxílio de voluntários.

Clima ajudou

Enquanto moradores do Distrito Federal sofrem com o calor e a baixa umidade, os artistas plásticos estrangeiros comemoram o clima de Brasília. Os dois meses utilizados na finalização de todo o processo artístico do painel representam um marco histórico: se concluído neste cronograma, deverá ser considerada a obra de execução mais rápida das construídas até agora pelo grupo. De acordo com responsáveis pela coloração das telas, o calor e a seca do DF auxiliam a fixar a tinta e, desta maneira, agilizam todo o processo. Para poder colorir as telas com pigmentos de tons diferentes é preciso esperar a secagem de cada camada. Apesar de não haver uma certeza do período que o painel deverá durar, estima-se que permaneça na igreja de Brasília por séculos.

Anúncios

Deixe um comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: