Patrística: sobre o ofício dos salmistas

14 de outubro de 2011 às 09:27 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Santo Agostinho

Sacrificamos à vítima de regozijo, sacrificamos à vítima de alegria, a vítima de congratulação, a vítima de ação de graças, a vítima que não pode se expressar com palavras. Sacrificamos, mas onde? Em seu mesmo tabernáculo, na Santa Igreja. O que sacrificamos?

 

O profusa e indescritível gozo, que não se expressa com palavras mas com voz inefável. Esta é a vítima do regozijo. Quem o louvará dignamente? Se nas criaturas de Deus se fadiga o discurso humano,  o que lhe acontecerá ao falar do Criador, mas emudecer e se permanecer unicamente com os Júbilos?

Comentários sobre os Salmos. (Sal. 26)

Anúncios

Deixe um comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: